Critical Review: Atraída/Captivated By You de/by Sylvia Day

23:05:00 Catarina Ferreira 0 Comments




Versão Portuguesa                                                 English version
 

Versão Portuguesa

 
Aviso: Contem SPOILERS para quem não leu os livros anteriores.
 
Queridos Leitores,
 
Sylvia Day volta com a sua saga best-seller entre um casal que tem tanto em comum como as razões que os pode afastar. Mesmo depois do casamento secreto que Eva pretende que ninguém saiba.
 
Em “Atraída” temos a oportunidade de conhecer melhor o Gideon com a alternância de ponto de vista, de capítulo para capítulo, entre ambas as personagens principais.

 
“Fosse eu um homem melhor, ter-me ia afastado da Eva Cross no segundo em que a vi pela primeira vez. Em vez disso, fiz dela minha mulher."

Conseguimos ter uma melhor perceção quanto ao seu passado e das suas inseguranças com Eva, o que afeta a relação de ambos. Principalmente os receios e ciúmes que tem face à Eva, mesmo estando casado com ela.
 
Tu és a minha razão de viver, e não consigo desliga-la. Não penso senão em ti. Tudo o que eu faço é contigo no pensamento. Não há espaço para mais ninguém."

À medida que vamos lendo, temos acesso a tudo o que rodeia o casal. O amor deles é tão intenso que chega a ser louco. Eva continua a lutar pela não dependência no Gideon e ele continua a tentar controlar tudo o que a envolve. O que inclui esconder segredos da Eva em ordem para a proteger.
 
“ Gideon, tu vais ter de me deixar entrar.”

Eva é a única que consegue fazer com que Gideon ceda. Isso fica bem claro em várias passagens no ponto de vista dele. Mas, ao mesmo tempo, ele continua a domina-la e, cada vez que discutem ou Eva tenta confronta-lo, este muda o trajeto da conversa para sexo, pondo um fim à questão.
 
Com estes problemas, a solução é simples: para resolverem têm de parar de se tocar. O que na realidade parece ser mais difícil.
 
Desta vez, acho que o único ponto positivo (para além de algumas partes intensas de adrenalina) foi ter acesso do ponto de vista do Gideon. Talvez tenha criado demasiado espetativas, mas esperava que houvesse um desenrolar da história. À exceção de novas informações, chegamos ao fim com a sensação que estamos no exato no ponto de partida. Estamos na estaca zero a maior parte do livro. Não existe um desenvolvimento gradual. Apenas a descrição das personagens a lidar com alguns dramas diários e de quem os rodeia. Até algumas descobertas de segredos das vidas pessoais dos amigos e entes queridos do casal. Sem mencionar que, quase no fim, termos uma regressão na relação de ambos. Ou seja, passamos dos 0 para -1 e mesmo no final voltamos ao 0, o que, da minha parte, desiludiu-me.
 
Não me interpretem mal, eu adoro a Sylvia Day. Esta autora tem uma forma de escrever imperativa e crua, sem ser difícil compreendermos as personagens ou deixar-nos levar pela emoção, o que leva ao leitor a desejar por mais. Nos outros três assim foi.
 
E, mesmo tendo ficado com a sensação da estaca zero, os ingredientes principais continuam: romance, medo, controlo, obsessão, compaixão, amizade e, claro, sem esquecer os elementos de paixão entre Gideon e Eva.
 
A curiosidade para saber o que realmente ia acontecer com o casal foi a grande razão de me prender. Continuo a ser grande fá deste casal e estou a torcer que, depois de tantos obstáculos, finalmente tenham o tão esperado final feliz. O que, pelos vistos, ainda vamos ter de esperar pelo próximo.
 
Aqui fica o link para quem quiser comprar o livro “Atraída”.

 

XOX
- Catarina Ferreira

English Version

 
Warning: Contains SPOILERS for those who hadn’t read the previous books.
 
 Dear readers,
 
Sylvia Day returns with her best-seller saga between a couple that has so much in common like the reasons that could make them apart. Even after the secret wedding that Eva intends that no one knows.
 
In “Captivated by You” we have the opportunity to get to know Gideon better with the rotation of point of view, chapter by chapter, between both main characters.
 

“If I’d been a better man, I would’ve walked away from Eva Cross the moment I saw her. Instead, I’d made her my wife.”
 
We can have a better perception as to his past and his insecurities with Eva, which affects their relationship. Mainly his concerns and jealousy reactions that he faces with Eva. Even when he is already married to her.


You’re the reason I breathe, I can’t turn it off. I think of nothing but you. All day. Every day. Everything I do, I do with you in mind. There’s no room for anyone else.”
As the reading flows, we have access to everything around the couple. Their love is so intense that might get insane. Eva continues to fight for her not dependency in Gideon and him continues to try control everything that involves her. What includes hiding secrets in order to protect her.



“Gideon, you’ll have to let me in”.
Eva is the only one who can make Gideon to give in. That is pretty clear in his point of view. But, at the same time, he continues to dominate her and, each time that they discuss or Eva tries to confront him, he changes the direction of the issue and turns to sex, setting an end to the argument.
 
With these problems, the solution is simple: to resolve they have to stop touching each other. Witch in reality it’s more difficult.
 
This time, I think that the only plus point (beyond some intense parts with adrenaline) was the access to Gideon’s point of view. Maybe I have created too many expectations, but I hoped that the story would unfold. With the exception of some information, we get to the end with the feeling that we are in the same start spot. Most part of the book we are in the square one. There isn’t a progressive development. Only of daily dramas descriptions of the main characters and those who surround them. Even some personal discoveries secrets from the couple loved ones and friends.
 
In other words, we pass from zero to minus one, what let it, for me, to disappointment.
 
Don’t get me wrong, I love Sylvia Day. This author has this compelling and raw way of writing, without being difficult to understand the characters or to let us be led by the emotions, which makes the reader wishing for more. In the other three was like this.
Even though I get the square one feeling, the main ingredients are still there: romance, fear, control, obsession, compassion, friendship and, of course, we can’t forget the passion between Gideon and Eva.
 
The curiosity to know what really was going to happen with the couple was the big reason that held me to the end. I’m still a big fan of these couple and I’m rooting that, after so many obstacles, they finally have the so expected happy ending. Which it seems we still have to wait for the next one.
XOX
- Catarina Ferreira

0 comentários: